O período de gestação me trouxe alegria e realização. Meu corpo passou por transformações diárias durante quase 9 meses. Os sentimentos e as expectativas só ajudaram a fortalecer os vínculos dessa relação com minhas filhas, e enquanto elas se formavam dentro do útero, eu ia me adaptando e me preparando também, para o grande dia, quando eu iria conhecer seus rostinhos e dar início a essa nova e fantástica fase da minha vida.
09083639
Sorrisos e lágrimas de alegria, sem dúvida alguma o tão esperado nascimento das meninas foi o momento mais maravilhoso da minha vida. Quando chegou a hora de me encaminhar para o hospital, só queria que tudo ocorresse da melhor forma. E eu  estava tão ansiosa para conhecer as princesas, poder abraçá-las e beijá-las! O Leandro também, papai de primeira viagem,  porém mais companheiro e atencioso impossível!

Nessa hora, tudo é especial, tudo é único. A hora do nascimento marcada no relógio, os batimentos cardíacos, o choro das bebês,  o primeiro beijinho nelas ainda sujinhas e tão indefesas… o pai se encantando com o nascimento e o carinho entre a família e amigos… Não há nada mais especial do que o parto.

As meninas nasceram na Maternidade São Luíz, em São Paulo. Não poderia existir lugar melhor, fomos muito bem recebidos e eu me senti tranquila durante toda a nossa estadia lá. A equipe de médicos, o Dr. José Bento e a Dra. Poliani foram maravilhosos, e a energia na sala de cirurgia estava maravilhosa, só alegria! Eu estava acordada o tempo todo, o Leandro também estava todo o tempo do meu lado, dando o maior apoio, vendo tudo, firme e forte!

Depois eu segui para o quarto para começar a me recuperar e a atenção foi toda delas… elas nasceram muito bem, apesar de um pouquinho prematuras, e foram direto para o berçário e de lá puderam ser apresentadas à toda a família, arrancando choros de emoção e muitos sorrisos! Enquanto isso eu estava no quarto recebendo fotos e notícias!

Quando elas chegaram pra mim  já não aguentava mais de ansiedade, foi maravilhoso, e alí já percebi que a melhor coisa que existe nessa vida é estar grudada nelas! Quando acordei no dia seguinte, parecia que estava sonhando, o coração estava cheio, transbordando de amor e felicidade…
Natalia-Guimaraes-e-leandro-1
Depois de 3 dias voltei para casa, mas não apenas nós dois, agora éramos quatro. A felicidade só aumentava, cada gesto que Maya e Kiara faziam nos deixavam bobos e encantados.  Agora sim consegui entender o que era amor incondicional. Sem limites!

Não deixe de acompanhar meu cantinho, logo voltarei com os cuidados e as várias dúvidas que tive com as gêmeas. E você também pode escrever pra mim, contando suas experiências ou fazendo perguntas sobre o nascimento das minhas anjinhas!

Beijos,
Natália.